Espaguete à Carbonara – Receita e História.

IMG-20150118-WA0003

Espaguete à Carbonara

Como disse meu amigo, e colunista do Lascas, Vinicius Martins sobre minha última postagem de uma receita: “Toda receita tem uma história!” É verdade! Hoje é dia de Espaguete à Carbonara.

Eu só acrescentaria que normalmente tem “varias” histórias… rsrsrsr… Posso dizer que a primeira é a sua origem, que normalmente existem várias versões, e a segunda é a nossa história com ela!

Com relação a origem do prato, consegui apurar ao menos 04 possibilidades. A primeira liga o prato aos “carbinai”, as pessoas que produziam o carvão vegetal nos bosques; A segunda hipótese diz que a carbonara tenha sido inventada por um cozinheiro que fazia parte dos carbonari, um grupo de revolucionários que lutou contra a invasão austríaca no norte da Itália, entre o final do séc. XVIII e a guerra pela independência italiana. A terceira opção conta que o prato foi criado em 1945 quando os soldados americanos entraram em Roma no final da segunda guerra mundial, levando como guarnição muitos ovos e bacon; e a última hipótese transfere a origem para Nápoles, para as mãos do duque de Buonvicino Ippolito Cavalcanti, editor em 1837 do livro “A cozinha teórica e prática”, há relatos que nas primeiras edições de tal livro já existiria uma receita muito parecida com a versão atual.

A minha história com essa receita é simples, mas como adoro a receita resolvi escreve-la. Apesar de uma receita relativamente simples, a primeira vez que a experimentei foi em uma viagem a Itália, em Milão, com algumas das pessoas que mais gosto e mais tenho prazer em estar junto, meus primeiros compadres, minha esposa, meu filho 01 (o 02 ainda era uma estrelinha, como fala o meu 01) e meus sogros. O que me lembro é que depois de andar quilômetros empurrando um carrinho de bebê e com um mochila nas costas, morrendo de fome, entramos no primeiro restaurante que achamos na rua. Era um local pequeno, já era meio da tarde (o que faz com que os italianos fiquem mais mal humorados do que de costume), então resolvi pedir o que eu julgava mais simples para que chegasse mais rápido e eu pudesse “matar quem me matava”, a fome… rsrsrsr

Foi uma grata surpresa o sabor e a cremosidade do prato. Além disso, lógico, dizem que quanto mais fome melhor fica a comida! (Uma lenda bacana… rsrsrsr). Nunca esqueci daquele prato, e lembro até hoje lembro da decoração do restaurante.

Pois bem, há algumas semanas cheguei em casa em um sábado após o trabalho e estava com vontade de uma comida que aconchegasse (confort food), e não sabia exatamente o que. Minha esposa folheou um dos meus livros de Gastronomia e achou o Espaguete à Carbonara. Era isso!!!

A receita a seguir serve aproximadamente 6 pessoas e tem um tempo de preparo entre 30 e 40 minutos.

Ingredientes:

500g de espaguete (um pacote);

10 fatias de pancetta / pode ser bacon ou até presunto de Parma (mas alguns dirão que já não seria à carbonara);

350 g de bacon cortados em cubos;

01 copo de vinho branco seco;

08 ovos;

01 e 1/2 xícara de queijo parmesão;

Sal e pimenta do reino a gosto;

Salsinha picada a gosto.

Preparo:

Pré aqueça o forno a 200ºC;

Aqueça 2L de água em uma panela grande com 01 colher de sal para cada litro;

Coloque as fatias de pancetta em uma assadeira forrada com papel manteiga, cubra as fatias com outra folha de papel manteiga, e coloque outra assadeira por cima, isso deixará as fatias retas. Leve ao forno por 15 a 20 minutos;

Quando a água estiver fervendo coloque o macarrão e siga as instruções da embalagem;

Leve ao fogo médio uma frigideira ou panela grande (o prato será finalizado nela). quando estiver quente coloque os cubos de bacon para dourar; depois de dourados regue com o vinho branco e desligue o fogo;

Batas os ovos com o queijo parmesão e tempere com pimenta do reino;

Retire e guarde uma xícara da água de cozimento do macarrão;

A partir daqui vc terá que ser bem rápido!

Após escorrer o macarrão coloque-o na frigideira com o bacon e junte os ovos com parmesão, a ideia é que o calor do macarrão cozinhe os ovos formando um creme;

Se ficar ressecado regue com a água de cozimento do macarrão;

Polvilhe a salsinha picada por cima antes de servir…

Buon appetito!

PS: quanto melhor a qualidade dos ingredientes melhor será o seu resultado!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *