Cidade Maravilhosa e Atividade Física: Feitos um para o outro!

IMG_20150111_090905678_HDREstamos em pleno Janeiro de 2015, verão carioca, Rio 40 graus (com sensação de 50), e eu tenho me dedicado a atividades física diárias e tenho tido a possibilidade de utilizar as paisagens mais deslumbrantes como pano de fundo para meus exercícios.

Um grande amigo diz que isso, por si só, já é um estímulo! (Ele mora em uma cidade no interior de São Paulo,que diga-se de passagem, eu adoro) Mas ele tem razão! Ver pessoas jovens e idosas, magras e gordinhas fazendo exercícios é mais um estímulo à quebrarmos nosso sedentarismo diário.

Caminhar na Lagoa Rodrigo de Freitas, pedalar na orla ou no Aterro do Flamengo, subir à vista Chinesa, fazer trilha na Floresta da Tijuca, SUP no posto 06 em Copa, Surfar na Prainha, kitesurfe na Barra… Sei lá… Todas as possibilidades na mesma cidade… Futebol, Futvôlei, Basquete, remo….

Não é atoa que sediamos a Copa do Mundo em 2014 e ainda sediaremos as Olimpíadas. E não vou entrar aqui nos problemas sobre violência, gastos e corrupção… Este texto não é para isso. Conheço estes problemas, mas não é o momento de falar deles.

IMG_20150118_110813826_HDRO Rio de Janeiro é um convite a atividade física ao ar livre… Como diz a música “corpos malhados, sorrisos talhados”.

Eu que fui Obeso por 10 anos, hoje me pergunto como não conseguia fazer atividade física morando no Rio de Janeiro.

Para onde você olha tem alguém correndo, caminhando, andando de bike, levantando pesos feitos de baldes com cimento e uma barra… Agora até os idosos estão a todo vapor nas academias da terceira idade, em qualquer praça pública. Sem falar no projeto Bike Rio que disponibiliza bicicletas públicas através de um aplicativo em seu smartphone, para que você utilize para se deslocar de um ponto a outro pelos 361 km de ciclovias na cidade, e vale ressaltar que é a maior malha de ciclovias do Brasil. E aos críticos de plantão… Não, as ciclovias não são perfeitas! E certamente os carros e ônibus não respeitam. Mas como um bom otimista, acho que estamos no início deste processo e que tende a melhorar! E neste ponto estamos copiando modelos que deram certo fora do país e os quais nos impressionam quando viajamos.

Não é atoa que mesmo com os pontos negativos a turistada fica doida quando vem ao Rio, beleza, esporte e sensualidade a flor da pele.

Como profissional de saúde sei que a atividade física é o grande ponto na prevenção de doenças, na criação de um estilo de vida saudável e no incremento da longevidade com qualidade.

O que posso afirmar então é que não há lugar melhor para ser viver, com o objetivo de praticar esportes ao ar livre do que na Cidade Maravilhosa do Rio de Janeiro!

OBs: esta é a humilde opinião de um carioca apaixonado!

 

LascasLF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *